Diversas
Alta na gasolina: Os produtos do dia a dia que podem ficar mais caros com o aumento nos combustíveis

Combustivelsite2106

 

O aumento de 5,18% no litro da gasolina e de 14,26% no valor do diesel não impacta apenas donos de veículos. Setores importantes da economia deverão repassar a alta dos combustíveis a seus produtos nos próximos meses.

Preços em áreas cruciais para o dia a dia do brasileiro como transporte, alimentação, vestuário e construção civil devem ter elevação, agravando a pressão inflacionária dos últimos meses.
O preço médio de venda de gasolina para as distribuidoras passou de R$ 3,86 para R$ 4,06 por litro. Para o diesel, o preço médio de venda da Petrobras passou de R$ 4,91 para R$ 5,61 por litro.
O valor cobrado nos postos depende de impostos e das margens de lucro dos distribuidores e revendedores.
A crise na Petrobras ganhou um novo capítulo nesta segunda-feira (20/6), com o anúncio da renúncia do presidente da Petrobras, José Mauro Coelho. A informação foi confirmada pela estatal em um comunicado ao mercado. Coelho foi o terceiro executivo a comandar a Petrobras na gestão do presidente Jair Bolsonaro (PL), mas deixou a presidência da empresa e o seu Conselho de Administração após duras críticas feitas por Bolsonaro e pelo presidente da Câmara, Arthur Lira, no fim de semana.

Bolsonaro chegou a defender até mesmo a criação de uma CPI para investigar os diretores e conselheiros da Petrobras depois do novo reajuste no fim de semana.
"O que vai acontecer basicamente é que as pessoas vão ter uma vida mais cara, porque vai ficar mais caro se deslocar", diz Juliana Inhaz, professora no Insper.

Simão Silber, professor de economia na USP e pesquisador da Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas), avalia que "hoje, não só no Brasil, houve um retorno para um fenômeno que ocorreu nos anos 1970 que ficou conhecido como 'estagflação': uma inflação mais alta e um nível de produção mais baixo com o aumento de custos".
A alta do petróleo no mundo é atribuída em grande parte à Guerra na Ucrânia. Medidas como as sanções dos Estados Unidos e da União Europeia contra o petróleo e o gás exportados pela Rússia tendem a reduzir a quantidade desses produtos no mercado internacional e a aumentar preços. A Rússia é o segundo maior produtor e exportador de petróleo do mundo.
A Petrobras importa petróleo e derivados e repassa reajustes por conta da política de Preço de Paridade de Importação, adotada em 2016.
O aumento dos combustíveis tem impacto limitado no IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo), medida usada para acompanhar tendências de inflação para o consumidor, mas tem significativa influência sobre o IPA (Índice de Preços ao Produtor Amplo), que registra variações em produtos agropecuários e industriais antes de atingir a ponta final.

Veja abaixo como os reajustes para as distribuidoras podem se traduzir em aumentos em quatro setores do dia a dia dos brasileiros.

Transportes

O efeito mais direto ocorre, naturalmente, nos preços dos fretes rodoviários, passagens de ônibus urbanos e interestaduais, de avião e da viagem em aplicativos de transporte — além do valor gasto pelos motoristas de carros de passeio para encher os tanques. 

Caminhão no Brasil

CRÉDITO, VICTOR MORIYAMA

Legenda da foto, 

Valores de fretes de caminhões devem ser impactados

"Os valores serão reajustados e deverão vir com reajuste relativamente salgado. Começa por aí", diz Inhaz, do Insper.

Silber, da USP e da Fipe, diz que mesmo que os valores de passagens de ônibus, por exemplo, não tiverem aumento por regulação municipal, o impacto vem.

"Nós estaremos pagando porque a prefeitura terá que subsidiar o transporte urbano, colocar mais dinheiro nesse setor em vez de outras áreas ou atividades", analisa.

 

Alimentação

"O custo de tudo que a gente consome que necessita de deslocamento também vai aumentar. Estamos, por exemplo, falando de alimentos. Vai ficar mais caro distribuir, mandar o alimento de um lado para outro. Logo, o custo agregado do produto sobe, o custo para o produto chegar à mesa do trabalhador", afirma Inhaz.

"O setor de alimentação é bem sensível a esses aumentos de preço de combustível."

Outra influência indireta em produtos de primeira necessidade como arroz, feijão e carne se deve ao fato de que muitos fertilizantes e defensivos agrícolas são derivados do petróleo.

"Já na hora de plantar se sente essa influência", diz Silber. A produção agrícola deverá ser ajustada a essas novas condições.

"Porque o produtor vai economizar no uso do fertilizante. O insumo ficou mais caro e aí a produtividade cai. Mais uma razão pela qual o preço vai subir e prejudicar uma parcela muito grande da população que já enfrenta uma enorme insegurança alimentar", afirma.

Ele também aponta que custos com armazenamento, quando algum produto necessita tratamento especial para calor ou iluminação, também sofrem impacto.

Vestuário

Enquanto Juliana Inhaz aponta a influência dos custos de logística para o deslocamento de produtos do vestuário, Silber menciona algumas matérias-primas que podem impactar alguns itens específicos.

"Por exemplo, o náilon é petróleo. E veja a meia-calça. Com o frio, cresceu a demanda pelo produto, que não tem produção no Brasil. O fio é derivado do petróleo e a sua produção tem sido impactada pela Guerra da Ucrânia", diz o economista da USP e da Fipe.

Construção civil

Material de construção como tijolos e areia dependem muito dos transportes e podem ser influenciados pela subida nos custos de deslocamento, diz Silber.

Ele também lembra que esse setor já vem sendo pressionado pelo aumento dos juros pelo Banco Central, medida utilizada para conter tendências inflacionárias.

 Fonte: BBC Brasil

 

 
Jornalista russo leiloa prêmio Nobel da Paz por US$ 103mi e diz que doará dinheiro a refugiados ucranianos

Mulatov

O editor-chefe russo do jornal independente Novaya Gazeta leiloou sua medalha do Prêmio Nobel da Paz por US$ 103,5 milhões. Muratov foi copremiado com o prêmio da paz em 2021 por defender a liberdade de expressão na Rússia.

Dmitry Muratov posa com seu Prêmio Nobel, em 2022, em Nova York

CRÉDITO, GETTY IMAGES

Legenda da foto, 

Dmitry Muratov recebeu o prêmio nobel da paz em 2021 por sua defesa da liberdade de expressão na Rússia



Depois de ganhar o prêmio , ele decidiu inicialmente doar o montante de US$ 500 mil dólares para a caridade, mas depois optou por leiloar o próprio prêmio em si.


Os lances para a medalha de ouro de 23 quilates começaram online no início deste mês e, até ontem, mal haviam chegado a meio milhão de dólares. O leilão, no entanto, tomou um rumo surpreendente e acabou arrecadando mais de 103 milhões de dólares. A Heritage Auctions, que realizou a venda em Nova York, não revelou quem foi o dono do lance vencedor.

O valor, segundo Muratov, será doado ao Unicef para ajudar crianças deslocadas pela guerra na Ucrânia. A Organização das Nações Unidas estima que mais de 7 milhões de pessoas tenham deixado o país nos últimos 4 meses.

Antes do leilão, Muratov descreveu a medida como um "ato de solidariedade"' com os milhões de ucranianos que foram deslocados pela invasão da Rússia. E pediu que outros cidadãos russos vendessem suas lembranças pessoais para ajudar a mitigar a crise no país vizinho. Muratov contou ter mantido um cópia de sua medalha — feita em chocolate.

A Novaya Gazeta suspendeu suas operações em março de 2022, logo após a invasão da Ucrânia pela Rússia.

A suspensão foi necessária depois que Moscou determinou que qualquer pessoa que descrevesse as ações da Rússia na Ucrânia como uma "guerra" enfrentaria multas pesadas ou fechamentos. O Kremlin chama o conflito de "operação militar especial".

 

Dmitry Muratov

CRÉDITO, DMITRY MURATOV

Legenda da foto, 

Em abril, Muratov sofreu um ataque dentro de um trem que partiu de Moscou para a cidade de Samara


Em abril, Muratov foi atacado com tinta vermelha misturada com acetona a bordo de um trem na Rússia. O agressor gritou: "Muratov, isto é pelos nossos meninos", disse ele, em uma provável referência ao Exército russo.

Muratov é um dos jornalistas fundadores da Novaya Gazeta, em 1993, após a queda da União Soviética.

Desde 2000, seis jornalistas do jornal e colaboradores foram mortos em conexão com seu trabalho, incluindo a repórter investigativa Anna Politkovskaya.

"A mensagem mais importante hoje é que as pessoas entendam que há uma guerra acontecendo e precisamos ajudar as pessoas que mais sofrem", disse Muratov em um vídeo divulgado pela Heritage Auctions.

Ele ganhou o Prêmio Nobel da Paz junto com a jornalista Maria Ressa, que cofundou o site de notícias online Rappler, nas Filipinas.

Ressa e Muratov são conhecidos por publicar investigações que incomodaram os líderes de seus países e se tornaram símbolos da luta pela liberdade de imprensa.

Fonte: BBC Brasil

 
Astrônomo registra alinhamento de planetas e lua no céu; em Goiânia

site alinhamento

imagens mostram Saturno, Júpiter, Marte e Vênus e a lua, em Goiânia. Especialista explicou que fenômeno ainda poderá ser visto nos próximos dias.

O astrônomo Clayton Gubio, de 40 anos, registrou o alinhamento dos planetas Saturno, Júpiter, Marte e Vênus e da lua em Goiânia (veja acima foto com marcação). Segundo o especialista, o fenômeno também é chamado de “dança dos planetas” e podem aparecer também asteroides na formação.

“As conjunções não são exóticas, acontecem constantemente, o que é exótico são as posições dos planetas em relação aos outros planetas e a Terra. Tem movimentos que podem ser vistos apenas em 300, 800 anos”, explicou Clayton.

A foto foi tirada na madrugada deste domingo (19), na Vila Santa Helena, no setor Campinas. Clayton explicou que, por causa da luz da lua, o fenômeno não pode ser visto com mais clareza, como em um registro feito pelo clube de astronomia Gunstar em maio (veja foto no fim da matéria).

“A dança dos planejas é caracterizada pela conjunção dos planetas visíveis e alguns invisíveis, como Urano e Netuno, eles estão lá, mas não são vistos”, completou.

Fonte: G1 Goiás

 
Os desafios de Gustavo Petro, primeiro presidente de esquerda eleito na Colômbia

sitepetro2022


O presidente eleito da Colômbia, Gustavo Petro, da coalizão Pacto Histórico, terá desafios políticos, econômicos e sociais a partir de sua posse no dia sete de agosto. Ele foi eleito, neste domingo (19), com 50,44% dos votos no segundo turno da eleição presidencial. A esquerda e centro-esquerda se uniram, pela primeira vez, para que Petro, que era candidato à Presidência pela terceira vez, chegasse ao palácio presidencial.

 

O presidente eleito da Colômbia Gustavo Petro, acompanhado da esposa, Veronica Alcocer, e da agora vice-presidente, Francia Marquez , participa de evento após vencer as eleições presidenciais colombianas , na Movistar Arena em Bogotá, na Colômbia, no dia 19 de junho de 2022

CRÉDITO, EPA/CARLOS ORTEGA

 

Legenda da foto, 

Gustavo Petro foi eleito presidente da Colômbia com 50,50% dos votos no segundo turno


Segundo analistas, o ineditismo da derrota da direita no país marca uma guinada política na Colômbia, iniciada com os protestos de 2019 e 2020. O outro candidato, o empresário do setor da construção Rodolfo Hernández, da Liga de Governantes Anticorrupção, recebeu 47,3% dos votos.

 

O presidente eleito da Colômbia Gustavo Petro, acompanhado da esposa, Veronica Alcocer, e da agora vice-presidente, Francia Marquez , participa de evento após vencer as eleições presidenciais colombianas , na Movistar Arena em Bogotá, na Colômbia, no dia 19 de junho de 2022

CRÉDITO, EPA/MAURICIO DUENAS CASTANEDA

 

Legenda da foto, 

Petro será o primeiro presidente de esquerda do país


No seu discurso da vitória, o presidente eleito ratificou sua proposta de realizar um acordo nacional com as diferentes linhas políticas do país, incluindo a extrema direita.

Petro convidou os eleitores de Hernández para que o visitem na Presidência, chamada de 'Casa de Nariño' (leia-se Casa de Narinho).
"Fazer a paz na Colômbia significa que os mais de dez milhões de eleitores de Hernández são benvindos. Não vamos trabalhar destruindo o opositor. Todos serão 'benvindos' para dialogar no palácio presidencial", disse Petro.

Seus eleitores reagiram gritando: "Não à guerra". Ele entende que somente através "do diálogo, do amor e sem ódio e vingança" será possível realizar as reformas necessárias para que o país seja mais igualitário e inclua também os indígenas, os afrodescendentes (como sua vice-presidente, Francia Márquez) e os que foram e são vítimas da violência. O professor colombiano de políticas públicas e internacionais da Universidade de Columbia, dos Estados Unidos, José Antonio Ocampo, acredita que este "acordo nacional" é decisivo. "Esperamos e devemos apoiar o acordo nacional (que Petro propôs). O acordo é essencial para que sejam superadas as profundas divisões sociais e regionais dos últimos anos e deste processo eleitoral colombiano".

Fonte: BBC Brasil

 
Comemorando os 69 anos de Goianésia, Prefeito, secretários e vereadores participam de culto de ação de graças

acaodegracas

O prefeito de Goianésia, Leonardo Menezes, e a primeira-dama, Eloá Menezes, que é secretária da Assistência e Promoção Social e da Mulher, Família e Direitos Humanos, acompanhados de outros secretários municipais, de vereadores e de lideranças locais, participaram na noite deste domingo (19), na Catedral das Assembleias de Deus de Goianésia, do culto de ação de graças pelos 69 anos de emancipação política do município.

O pastor Wanderley do Carmo, presidente da Igreja Assembleia de Deus Goianésia, Ministério Madureira, presidiu o culto, iniciado às 19h. Cantores da igreja, acompanhados da Orquestra Harmonia do Vale, regida pelo maestro Gustavo Cunha Alencar, também participaram do culto, que teve ainda a participação de pastores de outras denominações, convidados.

“É com muita alegria que nós os recebemos aqui, prefeito, primeira-dama, vereadores, secretários e outras lideranças, para celebrarmos os 69 anos de emancipação de Goianésia”, disse o pastor Wanderley do Carmo, no começo da celebração.

O chefe de gabinete do prefeito Leonardo Menezes, Thalles Moura, fez breve pronunciamento em nome dos secretários municipais; o vereador Professor Hiago fez o mesmo, em nome dos colegas vereadores; e ainda falaram no culto a ex-primeira-dama do município, Igara de Castro, e o prefeito Leonardo.

“São breves as minhas palavras, são mais de agradecimentos”, anunciou o prefeito. “Agradecer a Deus pelos 69 anos de emancipação de Goianésia, cidade linda, que só tem crescido, elevado cada dia o seu progresso, sendo referência em Goiás e no Brasil. Quando o justo governa, o povo se alegra. Então, se o povo de Goianésia está feliz, é porque eu acho estou fazendo o mais justo para ele”, emendou o prefeito, que se lembrou de suas palavras na mesma igreja quando da campanha, em 2020:

“A minha palavra sempre foi família, seriedade, ensinamentos cristãos, levar ao próximo o que o próximo merece”, disse o executivo, que é filho, bisneto e primo de ex-prefeitos, e que reverenciou, sem distinção, todos os prefeitos que o antecederam: “Goianésia está onde está hoje porque sempre teve grandes administradores. Desde o seu começo, todos aqueles que passaram pela gestão da nossa cidade foram homens que sempre pensaram no seu crescimento”.

Após a fala do prefeito, foi anunciado pelo pastor Wanderley do Carmo o momento do ofertório e, logo após, o pastor Antônio Dutra (Pastor Toninho), da Comunidade Alcance, fez a pregação, em cuja mensagem enalteceu “a igreja relevante” e estabeleceu analogia para chamar Goianésia também de “cidade relevante”.

Por fim, a pastora Elizama Ramos Carmo fez a leitura final da Palavra; o pastor Sebastião Gomes, da Assembleia de Deus Ministério de Anápolis da Rua 37, orou e pediu as bênçãos para a cidade e as suas lideranças; e o pastor Wanderley do Carmo ministrou as bênçãos para todas as autoridades municipais.

Fonte: DECOM Prefeitura de Goianésia

 
Concursos do INSS e Receita: veja como foram as provas anteriores e a concorrência

SiteInss

O Ministério da Economia autorizou dois dos concursos mais esperados pelos candidatos: 699 vagas para a Receita Federal e 1.000 vagas no Instituto Nacional do Seguro Social (INSS). Ambos os órgãos não fazem concursos há bastante tempo. No caso do INSS, são sete anos de espera pela nova abertura de vagas, em meio ao atraso na análise e liberação de pedidos de benefícios. Na Receita Federal, são oito anos, mesmo com o déficit de servidores na fiscalização aduaneira.

As vagas autorizadas são as seguintes:
1 mil vagas de técnicos do seguro social (nível médio e salário de R$ 6.500)
230 vagas para auditor-fiscal (nível superior e salário de R$ 21.029)
469 para analista-tributário (nível superior e salário de R$ 11.684)

O prazo para a publicação dos editais de abertura é de 6 meses a partir da data de publicação das portarias, ou seja, até 13 de dezembro.

O último concurso para auditor-fiscal foi em 2014, para 278 vagas. A organizadora foi a Escola de Administração Fazendária (Esaf). Veja o edital e as provas anteriores do concurso.

Já para analista-tributário foram oferecidas 750 vagas em 2012, com a mesma banca organizadora. Veja o edital e as provas anteriores do concurso.

Os dois cargos exigem diploma de curso superior concluído em qualquer área. Os salários iniciais são de R$ 21.029 para auditor-fiscal e de R$ 11.684 para analista-tributário.
Nos concursos anteriores de 2012 para analista tributário e em 2014 para auditor fiscal, foram aplicadas provas objetivas e discursivas.

A prova objetiva foi dividida entre conhecimentos gerais e específicos. No caso dos conhecimentos gerais, as disciplinas foram praticamente as mesmas. Já na de conhecimentos específicos houve algumas diferenças. Veja abaixo:

Table with 3 columns and 12 rows. Currently displaying rows 1 to 12.
Conhecimentos gerais Língua Portuguesa Língua Portuguesa
  Espanhol ou Inglês  Espanhol ou Inglês 
  Raciocínio Lógico-Quantitativo Raciocínio Lógico-Quantitativo
  Administração Geral e Pública Administração Geral
  Direito Constitucional Direito Constitucional 
  Direito Administrativo Direito Administrativo
Conhecimentos específicos Direito Tributário Direito Tributário
  Contabilidade Geral e Avançada Contabilidade Geral
  Legislação Tributária Legislação Tributária 
  Legislação Aduaneira Legislação Aduaneira
  Comércio internacional Informática
  Auditoria  
 



Para auditor fiscal, a prova discursiva teve questões referentes a Direito Tributário e Comércio Internacional e Legislação Aduaneira.
Para analista tributário, a prova discursiva teve questões sobre Direito Constitucional e Administrativo, Administração Geral, Direito Tributário, Legislação Tributária e Aduaneira e Informática.

 

As provas foram elaboradas e aplicadas pela Escola de Administração Fazendária (Esaf), que acabou incorporada pela Escola Nacional de Administração Pública (Enap) em 2019.

 

A Receita Federal confirmou que a Enap não será a banca organizadora do concurso. O órgão informou que está em processo de seleção da banca que irá realizar o concurso. A data de divulgação do edital e de realização das provas, bem como da nomeação dos aprovados, não foi definida.

 

A concorrência dos concursos da Receita chegou a passar de 200 candidatos por vaga na ocasião. Para analista, o concurso de 2012 com 750 vagas teve 93.692 candidatos (125 por vaga). No caso do auditor, a concorrência foi o dobro: foram 68.540 candidatos para 278 vagas (246 por vaga).

 

De acordo com a Receita Federal, as provas para ambos os cargos serão aplicadas no mesmo dia, para que os mesmos candidatos não concorram aos dois cargos, o que poderia prejudicar o preenchimento das vagas.

Foi autorizada a redução para dois meses do prazo entre a publicação do edital e a realização da primeira prova do concurso, ou seja, os candidatos terão menos tempo para se preparar para os testes.

Mais de 130 concursos públicos estão disponíveis no país

O último edital do concurso do INSS foi lançado em 2015 e previa 800 vagas para técnico do seguro social. A organizadora do concurso foi o Cebraspe - veja o edital e as provas anteriores do concurso.

O concurso teve prova objetiva de conhecimentos básicos e específicos com as disciplinas de Ética no Serviço Público, Regime Jurídico Único, Noções de Direito Constitucional, Noções de Direito Administrativo, Língua Portuguesa, Raciocínio Lógico, Noções de Informática e Seguridade Social.

Foram 1.043.807 inscritos para as 800 vagas - 1.304 candidatos por vaga.
O cargo exige nível médio de escolaridade. O salário inicial é de R$ 6.500.

O INSS informou que a escolha da banca organizadora deve ser feita daqui a 60 dias, ou seja, até agosto.

Os aprovados serão convocados, de acordo com a classificação, para trabalhar nas Agências da Previdência Social espalhadas pelo país.

Fonte: G1

 
Veja Mais >>12345678910

Enquete

Se a eleição para presidente da república fosse hoje, de quem seria seu voto?
 

Publicidade

picasion.com e3d81bdf5004d6a4b14947d80ca39fc4

correção móveis estrela

ESTEanigif

kisabor

Mais anúncios >>

(62) 8498-5379
(62) 8498-5373

contato@revistaostrespoderes.com.br

apice