Notícias
Câmara de Goianésia define mesa diretora para o biênio 2023/2024

siteleicao2023

Na manhã de terça-feira, 05, durante Sessão Ordinária no Plenário Aleixo Luiz Vinhal, da Câmara Municipal de Goianésia, aconteceu a eleição para escolha da mesa diretora que irá comandar os trabalhos do Legislativo municipal no próximo biênio 23/24. Com eleição antecipada, a nova diretoria só será empossa em 1º de janeiro de 2023.


Com chapa única, após desistência do vereador Carlos Veículos, a eleição ocorreu de forma tranquila, e após votação, o presidente Fábio da Enigma proclamou o resultado final, confirmando a vitória de Múcio Santana: 14 x 0. O vereador Geraldo do Pastel não pôde estar presente, por problemas de saúde.

A nova mesa diretora, que será empossada em janeiro, ficou definida da seguinte forma:
Presidente: Múcio Santana (MDB)
Vice-presidente: Professor Hiago Matos (UB)
Secretário: Wagner Cigano (PTB)
2º Secretário: Ismael Francisco (UB)
3º Secretário: Edvaldo Ribeiro (PSDB)

 
Brasil desperdiça 40% do talento de suas crianças, diz estudo inédito do Banco Mundial

Capasitetalentos

O que uma criança vivendo nas ruas e fora da escola em São Paulo e uma jovem negra formada na universidade que não consegue emprego em Salvador têm em comum? 

Ambas fazem parte do contingente de talentos que são desperdiçados todos os dias no Brasil. 

Uma criança brasileira nascida em 2019 deve alcançar em média apenas 60% do seu capital humano potencial ao completar 18 anos, calcula estudo inédito do Banco Mundial, ao qual a BBC News Brasil teve acesso. 

Isso significa que 40% de todo o talento brasileiro é deixado de lado, na média nacional. 

Nos rincões mais vulneráveis, o desperdício de potencial superava os 55% antes da pandemia, estima a instituição. Com a crise sanitária, a situação se agravou e, em apenas dois anos, o Brasil reverteu dez anos de avanços no acúmulo de capital humano de suas crianças.

"Agora, mais do que nunca, as ações não podem esperar", alerta o banco, no Relatório de Capital Humano Brasileiro, que deverá ser lançado nesta semana. 

O estudo é parte do Human Capital Project do Banco Mundial, iniciativa lançada em 2018 para alertar governos quanto à importância de se investir em pessoas. O relatório brasileiro é o primeiro focado em um país específico. 

O banco estima que o PIB (Produto Interno Bruto, soma de bens e serviços produzidos por um país) do Brasil poderia ser 2,5 vezes maior (158%), se as crianças brasileiras desenvolvessem suas habilidades ao máximo e o país chegasse ao pleno emprego.

Fonte: BBC Brasil

 
Em cirurgia inédita no Brasil, médica 'queima' tumor de bebê ainda no útero

Capacancercurabebesite

 

"Escolhemos 'Ragnar', um nome de guerreiro, antes de saber que ele passaria por tanta coisa", diz a jornalista Polyana Resende Brant, de 34 anos, que deu à luz a seu primeiro filho no dia 18 de maio. 

Quando estava no segundo trimestre de gravidez, exames indicaram a presença de um tumor na região do tórax do bebê. Tratava-se de quadro raro, chamado de sequestro pulmonar, no qual a massa se assemelha a um pulmão — e é irrigada por vasos sanguíneos — mas não tem nenhuma função específica. 

"Esse tumor, apesar de não ser maligno, ou seja, não ser um câncer, estava crescendo e comprimindo os órgãos do bebê, além de 'roubar' parte do sangue do corpo e fazer com que água ficasse depositada na região do pulmão", diz Danielle do Brasil, médica cirurgiã especializada em cirurgia fetal do Hospital Santa Lúcia, de Brasília, que foi indicada após Polyana procurar por obstetras que cuidassem de casos de alto risco.

Pais do Ragnar durante ultrassom

CRÉDITO, ARQUIVO PESSOAL

Os médicos avisaram à Polyana que, se a gestação continuasse sem qualquer medida cirúrgica, seu filho não sobreviveria. E mesmo que fizessem um parto de emergência, Ragnar, que só tinha 29 semanas, idade considerada extremamente prematura, também poderia falecer. 

"Foi desesperador descobrir isso. Tive que manter a fé e buscar os melhores especialistas. A gente tem que valorizar a ciência e saber que ela pode, sim, andar de mãos dadas com a fé. Foi o que eu e meu marido, que esteve ao meu lado em todos os procedimentos, fizemos", diz a mãe.

Polyana e Tiago com a cirurgiã fetal Danielle do Brasil

CRÉDITO, ARQUIVO PESSOAL/DANIELLE DO BRASIL

Legenda da foto, 

Mãe e bebê foram reavaliados diversas vezes depois dos dois procedimentos realizados para queimar o tumor

Conforme explica a cirurgiã Danielle do Brasil, que se especializou em casos de alto risco na King's College, em Londres, as descrições existentes na literatura médica indicavam que para um caso como de Ragnar, a ação a ser tomada seria queimar um dos vasos que abasteciam o tumor com sangue. 

"Assim, com uma agulha grossa que contém fibra de laser dentro, podemos queima esse vaso, e a massa 'morreria' e depois seria absorvida pelo corpo. A ideia também era retirar o líquido do tórax para ajudar os pulmões expandirem", explica. 

Polyana procurou outras opiniões, mas depois de ouvir diferentes especialistas, concordou em seguir com o procedimento. 

"Queimamos o vaso perfeitamente, e toda a equipe estava bastante satisfeita. Mas infelizmente após 10 dias, o tempo usual que esperamos para ver se a técnica ofereceu benefícios, descobrimos circulação do tumor fez outro caminho, fazendo com que a massa voltasse a crescer e aumentando o líquido no tórax", disse a médica.

À esquerda, médica recebe a agulha enquanto ultrassom é feito para localizar o tumor; à direita, Polyana, medicada, recebe a incisão da agulha capaz de queimar o tumor

CRÉDITO, ARQUIVO PESSOAL/DANIELLE DO BRASIL

Legenda da foto, 

À esquerda, médica recebe a agulha enquanto ultrassom é feito para localizar o tumor; à direita, Polyana, medicada, recebe a incisão da agulha capaz de queimar o tumor

 
Fonte: BBC Brasil
 
Padre Adeenes fala em missão, na Missa de Ação de Graças pelos 69 anos de Goianésia

SitePadreadeenes

 

Realizada na noite no último domingo, 26 de junho, na Paróquia Sagrado Coração de Jesus, a Missa de Ação de Graças pelo aniversário de 69 anos de emancipação político-administrativa de Goianésia, celebrada pelo padre José Adeenes Ribeiro, que falou ser“missão” a gestão da coisa pública.

O prefeito Leonardo Menezes foi representado por sua mãe, dona Iracilda Menezes.

A celebração marcou também o encerramento da Novena do Sagrado Coração de Jesus e a escolha dos festeiros para a festa de 2023. Durante a missa, o padre José Adeenesagradeceu aos festeiros da Novena deste ano. “Quantas bênçãos, quanta alegria, dias intensos celebrados, atividades diversas”, elogiou, na homilia.

“Creio plenamente que nossa vivência desses dias tem resplandecido em nossa cidade o reflexo do amor divino, da unidade, da solidariedade, da fraterna comunhão. Muitas pessoas expressaram assim: ‘Padre, mas que festa bonita!’; ‘Que festa boa!’; ‘Que novena abençoada’. Louvado seja Deus, continuemos assim”, prosseguiu o pároco, pedindo “que não nos faltem ações semelhantes ao coração de Jesus, que é manso, humilde e simples, e faz do nosso coração um coração semelhante ao dEle”.

MISSÃO

Ainda na homilia, o padre José Adeenes manifestou a sua alegria e da paróquia pelaacolhida dos servidores da prefeitura e das autoridades municipais, em razão dagratidão a Deus pelo aniversário de Goianésia. Uma tradição local, a Missa de Ação de Graças consta da programação oficial do aniversário do município.

“Eu digo, assim, com alegria: é bom dizer isso para vocês que administram a coisa pública, é bom dizer isso: trabalha pelo bem comum. Têm trabalhado bem, têm feito muitas cosias boas na nossa cidade, graças a Deus, louvado seja Deus por isso”, afirmou o padre.

“Disseram que não se pode elogiar quem cuida da coisa pública. Pelo amor de Deus, escutem, saiam daqui e façam de conta que eu não falei nada, esses elogios, não”, disse o padre, que orientou aos gestores municipais:

“Voltem para lá e continuem fazendo melhor ainda, continuem trabalhando arduamente, continuem colocando aquilo que vocês anseiam dar: para o bem comum. É isso o que é necessário diante da, entendam, missão. É coisa pública. Não é nossa, não. É missão. Por traz dessa realidade administrativa, existe missão, e toda missão que nos é confiada precisa ser realizada com sabedoria, com dedicação, com respeito, com fidelidade”, pontuou José Adeenes, que se lembrou de ter ministrado bênçãos, no primeiro dia desta nova administração, quando já falava sobre isso: “a necessidade de viver com fidelidade, administrar com fidelidade”.

O religioso, a quem o vereador Edvam da Costa Silva (MDB) propôs, na Câmara Municipal, a outorga do título de Cidadão Goianesiense, ainda não entregue, frisou: “Aqui nós estamos para construirmos juntos, para colaborar como aquilo que é necessário para o bem-comum. E dentro dessa perspectiva, queridos irmãos e irmãs, quero lembrar-lhes: a política, como serviço, ela deve abrir caminhos para o povo, de forma organizada poder se expressar, colaborar, e essa deve ser uma política não só para o povo, mas com o povo, essa política com o povo que dá a oportunidade de desenvolver políticas públicas que vão ao encontro de todas as realidades da vida de uma comunidade. Não deixem isso passar despercebido!”

O padre encerrou dizendo que, “como sociedade, nós não precisamos nem de populismos nem de paternalismos, mas de política séria, desenvolvida com sabedoria, com criatividade, com responsabilidade”. “Essas outras coisas não são necessárias, não. Administrar bem aquilo que é de todos. Assim nós teremos um povo, e parte desse povo aqui está, também protagonista do bem-comum, protagonista de uma sociedade melhor, mais justa, fraterna e solidária”, lecionou o padre José Adeenes, citando ensinamento do Papa Francisco, líder da Igreja, para quem, “quando o povo é descartado, ele é privado não só do bem material, mas também da dignidade de agir, de ser protagonista de uma história, do seu destino, de expressar com os seus valores, sua cultura, sua criatividade, sua fecundidade.”

“Que essa administração cresça cada vez mais e lembrando sempre: fazer parcerias com as instituições”, afirmou o pároco do Sagrado Coração de Jesus, que ainda fez apelo pela vida, contra o aborto e a cultura de morte, citando o filósofo grego Sêneca (4 a.C-65); e pregou contra as ideologias, principalmente a de gênero.

PRESENÇAS

Além de dona Iracilda, a mãe do prefeito Leonardo Menezes, que o representou na missa, participaram o presidente da Câmara Municipal, vereador Fábio da Enigma; os secretários municipais Wilian Teófilo (Cultura e Turismo); Tarcísio Lima (Esporte, Juventude e Lazer); Frederico Sacchis (Planejamento); o procurador jurídico do município, Dr. Nedson Ferreira –– e suas respectivas esposas; da Secretaria Municipal de Cultura e Turismo, também, o diretor e curador do Museu Histórico de Goianésia Mário Augusto Alves, José Costa; a diretora de Eventos Culturais, Lorrane Silva; e o coordenador de Oficinas, Odair Martins; ainda, o diretor de Comunicação da prefeitura, Cleverson Júnior; a coordenadora regional de Educação, Gislene Fonseca; o ex-prefeito Renato de Castro, sua esposa, Igara de Castro, e sua mãe, dona Lizeti Rodrigues de Menezes e Castro; e fiéis da Igreja.

Ao fim de celebração, todos, chamados pelo padre, cantaram os parabéns a você, para Goianésia e para uma fiel aniversariante do dia.

Depois da Missa, a parte social da Novena do Sagrado Coração de Jesus, com as barraquinhas montadas na Travessa Onofra Batista Arantes, em frente a paróquia, com a participação dos fiéis e da comunidade.

Fonte: DECOM Prefeitura de Goianésia

 
Alta na gasolina: Os produtos do dia a dia que podem ficar mais caros com o aumento nos combustíveis

Combustivelsite2106

 

O aumento de 5,18% no litro da gasolina e de 14,26% no valor do diesel não impacta apenas donos de veículos. Setores importantes da economia deverão repassar a alta dos combustíveis a seus produtos nos próximos meses.

Preços em áreas cruciais para o dia a dia do brasileiro como transporte, alimentação, vestuário e construção civil devem ter elevação, agravando a pressão inflacionária dos últimos meses.
O preço médio de venda de gasolina para as distribuidoras passou de R$ 3,86 para R$ 4,06 por litro. Para o diesel, o preço médio de venda da Petrobras passou de R$ 4,91 para R$ 5,61 por litro.
O valor cobrado nos postos depende de impostos e das margens de lucro dos distribuidores e revendedores.
A crise na Petrobras ganhou um novo capítulo nesta segunda-feira (20/6), com o anúncio da renúncia do presidente da Petrobras, José Mauro Coelho. A informação foi confirmada pela estatal em um comunicado ao mercado. Coelho foi o terceiro executivo a comandar a Petrobras na gestão do presidente Jair Bolsonaro (PL), mas deixou a presidência da empresa e o seu Conselho de Administração após duras críticas feitas por Bolsonaro e pelo presidente da Câmara, Arthur Lira, no fim de semana.

Bolsonaro chegou a defender até mesmo a criação de uma CPI para investigar os diretores e conselheiros da Petrobras depois do novo reajuste no fim de semana.
"O que vai acontecer basicamente é que as pessoas vão ter uma vida mais cara, porque vai ficar mais caro se deslocar", diz Juliana Inhaz, professora no Insper.

Simão Silber, professor de economia na USP e pesquisador da Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas), avalia que "hoje, não só no Brasil, houve um retorno para um fenômeno que ocorreu nos anos 1970 que ficou conhecido como 'estagflação': uma inflação mais alta e um nível de produção mais baixo com o aumento de custos".
A alta do petróleo no mundo é atribuída em grande parte à Guerra na Ucrânia. Medidas como as sanções dos Estados Unidos e da União Europeia contra o petróleo e o gás exportados pela Rússia tendem a reduzir a quantidade desses produtos no mercado internacional e a aumentar preços. A Rússia é o segundo maior produtor e exportador de petróleo do mundo.
A Petrobras importa petróleo e derivados e repassa reajustes por conta da política de Preço de Paridade de Importação, adotada em 2016.
O aumento dos combustíveis tem impacto limitado no IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo), medida usada para acompanhar tendências de inflação para o consumidor, mas tem significativa influência sobre o IPA (Índice de Preços ao Produtor Amplo), que registra variações em produtos agropecuários e industriais antes de atingir a ponta final.

Veja abaixo como os reajustes para as distribuidoras podem se traduzir em aumentos em quatro setores do dia a dia dos brasileiros.

Transportes

O efeito mais direto ocorre, naturalmente, nos preços dos fretes rodoviários, passagens de ônibus urbanos e interestaduais, de avião e da viagem em aplicativos de transporte — além do valor gasto pelos motoristas de carros de passeio para encher os tanques. 

Caminhão no Brasil

CRÉDITO, VICTOR MORIYAMA

Legenda da foto, 

Valores de fretes de caminhões devem ser impactados

"Os valores serão reajustados e deverão vir com reajuste relativamente salgado. Começa por aí", diz Inhaz, do Insper.

Silber, da USP e da Fipe, diz que mesmo que os valores de passagens de ônibus, por exemplo, não tiverem aumento por regulação municipal, o impacto vem.

"Nós estaremos pagando porque a prefeitura terá que subsidiar o transporte urbano, colocar mais dinheiro nesse setor em vez de outras áreas ou atividades", analisa.

 

Alimentação

"O custo de tudo que a gente consome que necessita de deslocamento também vai aumentar. Estamos, por exemplo, falando de alimentos. Vai ficar mais caro distribuir, mandar o alimento de um lado para outro. Logo, o custo agregado do produto sobe, o custo para o produto chegar à mesa do trabalhador", afirma Inhaz.

"O setor de alimentação é bem sensível a esses aumentos de preço de combustível."

Outra influência indireta em produtos de primeira necessidade como arroz, feijão e carne se deve ao fato de que muitos fertilizantes e defensivos agrícolas são derivados do petróleo.

"Já na hora de plantar se sente essa influência", diz Silber. A produção agrícola deverá ser ajustada a essas novas condições.

"Porque o produtor vai economizar no uso do fertilizante. O insumo ficou mais caro e aí a produtividade cai. Mais uma razão pela qual o preço vai subir e prejudicar uma parcela muito grande da população que já enfrenta uma enorme insegurança alimentar", afirma.

Ele também aponta que custos com armazenamento, quando algum produto necessita tratamento especial para calor ou iluminação, também sofrem impacto.

Vestuário

Enquanto Juliana Inhaz aponta a influência dos custos de logística para o deslocamento de produtos do vestuário, Silber menciona algumas matérias-primas que podem impactar alguns itens específicos.

"Por exemplo, o náilon é petróleo. E veja a meia-calça. Com o frio, cresceu a demanda pelo produto, que não tem produção no Brasil. O fio é derivado do petróleo e a sua produção tem sido impactada pela Guerra da Ucrânia", diz o economista da USP e da Fipe.

Construção civil

Material de construção como tijolos e areia dependem muito dos transportes e podem ser influenciados pela subida nos custos de deslocamento, diz Silber.

Ele também lembra que esse setor já vem sendo pressionado pelo aumento dos juros pelo Banco Central, medida utilizada para conter tendências inflacionárias.

 Fonte: BBC Brasil

 

 
Jornalista russo leiloa prêmio Nobel da Paz por US$ 103mi e diz que doará dinheiro a refugiados ucranianos

Mulatov

O editor-chefe russo do jornal independente Novaya Gazeta leiloou sua medalha do Prêmio Nobel da Paz por US$ 103,5 milhões. Muratov foi copremiado com o prêmio da paz em 2021 por defender a liberdade de expressão na Rússia.

Dmitry Muratov posa com seu Prêmio Nobel, em 2022, em Nova York

CRÉDITO, GETTY IMAGES

Legenda da foto, 

Dmitry Muratov recebeu o prêmio nobel da paz em 2021 por sua defesa da liberdade de expressão na Rússia



Depois de ganhar o prêmio , ele decidiu inicialmente doar o montante de US$ 500 mil dólares para a caridade, mas depois optou por leiloar o próprio prêmio em si.


Os lances para a medalha de ouro de 23 quilates começaram online no início deste mês e, até ontem, mal haviam chegado a meio milhão de dólares. O leilão, no entanto, tomou um rumo surpreendente e acabou arrecadando mais de 103 milhões de dólares. A Heritage Auctions, que realizou a venda em Nova York, não revelou quem foi o dono do lance vencedor.

O valor, segundo Muratov, será doado ao Unicef para ajudar crianças deslocadas pela guerra na Ucrânia. A Organização das Nações Unidas estima que mais de 7 milhões de pessoas tenham deixado o país nos últimos 4 meses.

Antes do leilão, Muratov descreveu a medida como um "ato de solidariedade"' com os milhões de ucranianos que foram deslocados pela invasão da Rússia. E pediu que outros cidadãos russos vendessem suas lembranças pessoais para ajudar a mitigar a crise no país vizinho. Muratov contou ter mantido um cópia de sua medalha — feita em chocolate.

A Novaya Gazeta suspendeu suas operações em março de 2022, logo após a invasão da Ucrânia pela Rússia.

A suspensão foi necessária depois que Moscou determinou que qualquer pessoa que descrevesse as ações da Rússia na Ucrânia como uma "guerra" enfrentaria multas pesadas ou fechamentos. O Kremlin chama o conflito de "operação militar especial".

 

Dmitry Muratov

CRÉDITO, DMITRY MURATOV

Legenda da foto, 

Em abril, Muratov sofreu um ataque dentro de um trem que partiu de Moscou para a cidade de Samara


Em abril, Muratov foi atacado com tinta vermelha misturada com acetona a bordo de um trem na Rússia. O agressor gritou: "Muratov, isto é pelos nossos meninos", disse ele, em uma provável referência ao Exército russo.

Muratov é um dos jornalistas fundadores da Novaya Gazeta, em 1993, após a queda da União Soviética.

Desde 2000, seis jornalistas do jornal e colaboradores foram mortos em conexão com seu trabalho, incluindo a repórter investigativa Anna Politkovskaya.

"A mensagem mais importante hoje é que as pessoas entendam que há uma guerra acontecendo e precisamos ajudar as pessoas que mais sofrem", disse Muratov em um vídeo divulgado pela Heritage Auctions.

Ele ganhou o Prêmio Nobel da Paz junto com a jornalista Maria Ressa, que cofundou o site de notícias online Rappler, nas Filipinas.

Ressa e Muratov são conhecidos por publicar investigações que incomodaram os líderes de seus países e se tornaram símbolos da luta pela liberdade de imprensa.

Fonte: BBC Brasil

 
Veja Mais >>12345678910

Enquete

Se a eleição para presidente da república fosse hoje, de quem seria seu voto?
 

Publicidade

picasion.com e3d81bdf5004d6a4b14947d80ca39fc4

correção móveis estrela

ESTEanigif

kisabor

Mais anúncios >>

(62) 8498-5379
(62) 8498-5373

contato@revistaostrespoderes.com.br

apice